terça-feira, 8 de abril de 2014

ATA DE REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA EDITAL DE CONVOCAÇÃO No 02/2014, de 07/04/2014 - LEO CLUBE COLOMBO


LEO CLUBE COLOMBO
PATROCINADO PELO LIONS CLUBE CURITIBA BATEL
(Fundação: 19 de novembro de 2011)


ATA DE REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA
EDITAL DE CONVOCAÇÃO No 02/2014, de 07/04/2014

Em conformidade com o Estatuto do LEO Clube Colombo Jardim Esperança, datado de 19 de novembro de 2011, e o Edital de Convocação No 02/2014, de 07/04/2014, apresenta-se a Ata da 2a Reunião Extraordinária para retomada das atividades do clube, conforme abaixo descrito.

A presente Ata encontra-se de acordo com a Pauta da Reunião (publicada em 06/0/2014, via rede social Facebook), através da qual foram colocados em discussão os seguintes itens:

             1) Retomada dos assuntos abordados na reunião anterior, em 03/04/2014: A Presidente do LEO Clube Colombo, Adima Arlete Ianecz, e o Vereador Givanildo da Silva (GilGera), membro do Lions Clube Curitiba Batel, fizeram uma abordagem dos assuntos tratados na primeira reunião, da qual a professora Geane Poteriko não pôde estar presente.
Conforme orientações de João Carlos Cascaes via telefone, discutiu-se o objetivo principal de transformar o LEO Clube Colombo em um ambiente de reunião dos jovens do município de Colombo. Assim, nesta perspectiva, os primeiros jovens que se integrarem à serão os líderes do grupo.
Em seguida, abordou-se as possibilidades de campanhas que a Prefeitura Municipal poderá oferecer apoio, sendo estas:
- Campanhas Ambientais – em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde.
- Campanhas Sociais - em parceria com a Secretaria Municipal de Ação Social.

2) Objetivos da Reunião: Após, foram discutidas sugestões de medidas/ações para reinício das atividades do LEO Clube em Colombo, já no período de abril/2014. 
De acordo com o Vereador Givanildo Santos, o foco das ações do LEO poderá ser direcionado a princípio para as áreas da Saúde, iniciando-se com um trabalho voltado às adolescentes sobre o tema Gestação, incluindo palestras com enfermeiras e profissionais da área da saúde em bairros indicados pelo grupo do LEO. Além disso, palestras com temas relacionados ao Meio Ambiente, voltados à consciência ambiental e ações de limpeza dos rios da região em torno do município podem ser atividades realizadas no primeiro semestre.

3) Alteração do "status" do LEO, de Alfa para ÔMEGA.
            O processo de alteração do LEO de “Alfa” para “Ômega” será organizado pela companheira CL Georgia Lopes Medeiros, responsável pelos clubes LEOs do Lions Clube Curitiba Batel.

4) Apoio do Lions Clube Curitiba Batel, sob coordenação de Georgia Lopes Medeiros.
O Vereador Givanildo Santos afirmou que disponibiliza sua ONG para parcerias em atividades sociais e explicou todo o movimento que está sendo feito em função da criação do LIONS CLUBE DE COLOMBO. A partir da fundação deste clube, no município de Colombo, as ações do LEO poderão ser mais definidas e organizadas.
Assim, foram sugeridas para serem organizadas, durante o primeiro trimestre do LEO Clube Colombo, a serem incluídas no Plano de Ação Semestral:
- Campanhas de Trânsito nas escolas municipais (com as crianças).
- Campanhas de Prevenção ao HIV/Aids – Gravidez na Adolescência.
- Prevenção de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) na adolescência.



5) Atividades para o Grupo de Teatro.
Este item foi deixado para discussão mais ampla, na presença do diretor de Cultura, Ewerton Dambroski Fernandes, e representantes do Lions Clube Curitiba Batel.

6) Definição da Sede do Clube em Colombo.
Até a estruturação do Lions Clube de Colombo, a sede do LEO Clube de Colombo ficará provisoriamente em uma das salas do gabinete do Vereador Givanildo da Silva, onde os objetos do LEO (estandarte, bandeira, fotografias, documentos etc) ficarão guardados de forma segura e organizada.

7) Retomada dos documentos fundamentais do clube:
Os itens 7.1. e 7.2. foram deixados para discussão em reunião ordinária com todos os convocados (Propósitos e Metas dos LEOs Clube e Código de Ética do Companheiro LEO, a serem colocados no contexto do município de Colombo, e sugestões de itens/cláusulas para serem reestruturados, de acordo com o novo perfil do Clube).

7.3. Estatuto do LEO: No item 7.3., foram mencionadas sugestões de jovens para integrar a nova diretoria e liderar as atividades do primeiro ano, sendo:         
- Presidente: Adima Arlete Ianecz – Cel: (41) 9964-5774
- Vice Presidente: Patrícia Bueno – Cel: (41) 9620-4329
- Secretário Geral: Anderson Semchechen – Cel: (41) 9709-4510
- Secretária de Esportes: Helena Fernandes Dias Semchechen
- Diretor de Cultura: Ewerton Dambroski Fernandes - Cel: (41)
9724-4885

8) PLANO DE AÇÃO 2014
Este documento será amplamente discutido e definido em reunião ordinária com todos os convocados interessados do Lions e LEO Clube.

9) Local e data para nova reunião, com participação de representantes do Lions Clube Curitiba Batel.


TERCEIRA REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA
DO LEO CLUBE COLOMBO

Data da reunião: 11/04/2014
Horário: 17:00h
Local: Câmara de Vereadores – Sala do Vereador Givanildo Santos.

10) Considerações Finais
           
Para a próxima reunião, os objetivos principais serão:
- Constituir a nova diretoria do LEO
- Definir as ações práticas do Clube e o Cronograma do 1º Semestre.

Colombo, Paraná, 07 de abril de 2014

ADIMA ARLETE IANECZ 
Presidente do LEO Clube 

GEANE POTERIKO 
Coordenadora Geral








Histórico e atas 2014 do Leo Colombo

Geane Silva

7 de abr (Há 1 dia)
para mimJoãojhonatanadima1003Geane
HISTÓRICO DO LEO CLUBE COLOMBO

Em Colombo, o LEO Clube Colombo Jardim Esperança foi fundado em 19 de novembro de 2011, sob coordenação da professora Geane Poteriko e com o apoio do Lions Clube Curitiba Batel e seu presidente, João Carlos Cascaes.
Participaram do processo de fundação so seguintes companheiros Lions: Liu Rego, Cláudio, Carlos Eugênio Melo, José Santana e João Santos.
A princípio, o clube deu continuidade aos trabalhos desenvolvidos unicamente no Colégio Estadual Jardim Esperança (atual Colégio Estadual Lindamir Alberti), juntamente com o diretor Márcio Cesar Cristóvão, visando melhorias na infraestrutura do Colégio e bem-estar dos alunos. Até hoje, a escola funciona em um antigo barracão de fábrica alugado pelo Estado, sem condições físicas e estruturas de receber a quantidade de alunos que atende diariamente (ver histórico do Colégio, na página: x ).
Mais tarde, após a fundação do LEO Clube Colombo (em 19 de novembro de 2011, ver: página x na wiki da Prof. Geane Poteriko) ações sociais e campanhas ambientais e na área da saúde foram gradativamente se integrante às metas do LEO Clube Colombo.
Assim, neste contexto, os 20 jovens integrantes desse LEO Clube mobilizaram sua escola e comunidade local para campanhas e atividades voltadas para a melhoria da escola e da comunidade local, tais como:
- Concurso de Cartaz pela Paz, com apoio do Lions Club International. (página na wiki: x)
- Campanha da Paz, com criação de grupo de líderes para difusão das ideias na escola (página na wiki: x)
- Construção de cancha de areia para o colégio (a escola não possui quadra de esportes, até hoje, três anos depois das lutas do Grêmio Nova Geração e da direção do colégio para conseguir uma quadra de esportes, e inclusive após a promessa do Sr. Ex-Secretário da Educação e vice-governador do Estado do PR, Flávio Arns. Atualmente, os alunos do Colégio Estadual Lindamir Alberti usam a cancha de areia conseguida através do Grêmio Nova Geração e das lutas do LEO Cube Colombo para praticar esportes).
- Gincanas e disputas esportivas e culturais.
- Doações de alimentos, roupas, eletrodomésticos e livros para a biblioteca escolar.
- Campanhas de Conscientização Ambiental, incluindo o plantio de árvores, limpeza de rio que passa pelo bairro, entre outros.
- Atividades esportivas e de recreação na escola.
- Campanha de Acuidade Visual, com consultas oftalmológicas grátis a alunos, pais e membros da comunidade, além da doação de óculos a todos aqueles que tiveram problemas de visão detectados nos exames.
- Campanha contra a Pichação do Colégio Estadual Tancredo de Almeida Neves. Esta Campanha mobilizou a comunidade em geral, incluindo a Patrulha Escolar de Colombo, que ministrou palestras de conscientização sobre os aspectos legais da Pichação a todos os alunos, além do apoio à escola em situações cotidianas. Juntamente à Campanha contra a Pichação, o Lions Clube Curitiba Batel apoiou o Concurso de Cartaz sobre a Paz. Neste concurso, os desenhos vencedores de cada turma foram grafitados em todo o colégio (nos muros, paredes e outros locais que estavam repletos de Pichação), por alunos e membros da comunidade local. A partir da substituição das pichações na escola por desenhos sobre a Paz, feitos pelos próprios alunos, o colégio passou a ser respeitado e visto com outros olhos pelos estudantes e membros da comunidade entorno ao Bairro Santa Tereza.
Aqui está um pouco do histórico do LEO Clube Colombo Jardim Esperança.
Nesta história, apenas os jovens envolvidos e toda a comunidade escolar podem definir toda a luta e determinação do grupo para manter este clube, em meio aos problemas estruturais e situações extremas que cada um vivenciou no processo de formação e consolidação da equipe.
Hoje, os 20 jovens que apoiaram esta iniciativa de protagonismo e voluntariado já cresceram, muitos se formaram, mudaram de colégio, arrumaram emprego, constituíram família, casaram, tiveram filhos, se separaram... enfim. A vida seguiu para este 20 jovens companheiros LEO.
No entanto, uma coisa é certa: a semente plantada inicialmente no Colégio Estadual Jardim Esperança, que rendeu belas e produtivas ações nesta escola e na comunidade local naquela época (2010-2011), ainda hoje vem brotando frutos satisfatórios. O sonho e o ideal LEO permanecem no coração de cada um, e a vontade de lutar novamente por seu município e sua comunidade, o ânimo de trabalhar por Colombo, se engajar em ações sociais e pelo voluntariado... isso não muda. Pelo contrário, cresce e se fortalece, assim como aquela semente há anos deixada por uma professora, que sonhava (e ainda sonha) com uma educação de qualidade a todos.
Esse é o ideal LEO.
Apoie esta iniciativa!
Vamos auxiliar os jovens na criação de uma consciência de voluntariado e PROTAGONISMO JUVENIL!

Atenciosamente,
Prof. Geane Poteriko


:-)


SEGUNDA REUNIÃO DO LEO CLUBE COLOMBO 2014

LOCAL: Panificadora e Confeitaria Colombo
DATA: 07/04/2014
HORÁRIO: 10:00h
ENDEREÇO: Rodovia da Uva, 655, Colombo PR
(em frente ao trevo do Osasco)

ORGANIZAÇÃO: Adima Arlete Ianecz e Geane Poteriko


LEO CLUBE COLOMBO
PATROCINADO PELO LIONS CLUBE CURITIBA BATEL
FUNDAÇÃO 19 DE NOVEMBRO DE 2011

PAUTA DA REUNIÃO - 07/04/2014

Em conformidade com o Estatuto do LEO Clube Colombo Jardim Esperança, datado de 19 de novembro de 2011, apresenta-se a Pauta da 2. Reunião Extraordinária para retomada das atividades do clube, conforme abaixo descrito:

1) Retomada dos itens abordados na reunião anterior – Presidente do LEO Adima Arlete Ianecz e Vereador Givanildo (GilGera).
2) Objetivos da Reunião: Sugestões de Medidas/ações para reinício das atividades do LEO Clube Colombo, em abril/2014.
3) Alteração do "status" do LEO, de Alfa para ÔMEGA.
4) Apoio do Lions Clube Curitiba Batel, sob coordenação de Georgia Lopes Medeiros.
5) Atividades para o Grupo de Teatro.
6) Definição da Sede do Clube em Colombo.
7) Retomada dos documentos fundamentais do clube:
7.1) Propósitos e Metas dos LEOs Clube
7.2) Código de Ética do Companheiro LEO
7.3) Estatuto do LEO (sugestão de itens para serem reestruturados, de acordo com o novo perfil do Clube).
8) PLANO DE AÇÃO 2014
9) Local e data para nova reunião, com participação de representantes do Lions Clube Curitiba Batel.
10) Considerações Finais.

Colombo, Paraná, 06 de abril de 2014

ADIMA ARLETE IANECZ
Presidente do LEO Clube

GEANE POTERIKO
Coordenadora Geral

domingo, 13 de outubro de 2013

Despedidas e retorno à Curitiba

Última hora

Música e belas vozes infantis

Artes e artes

Isabela e amigos em ação

Alegria e ginástica

Sou criança - quero ouvir uma história

Instituto História Viva e uma linda contadora de história

Aprendendo com uma Mãe Social - uma realidade distante dos lugares de festa

Dançando com as crianças

Pastoral da Família presente na Casa Lar

Mãe Social



Mãe social

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Mãe social é a denominação da atividade profissional exercida por mulheres em casas de acolhimento de menores, onde fazem o papel de mãe dos menores carentes, incluindo-se aí o aleitamento materno.
As "casas de acolhimento", diferenciam-se dos antigamente denominados "orfanatos" por força do Estatuto da Criança e do Adolescente e da Lei 12.010/2009. A lei atual não permite mais os "orfanatos", os quais tinham um caráter permanente. Segundo a lei atual, os menores podem permanecer por um tempo máximo de 2 anos nas "casas de acolhimento", devendo serem encaminhados para adoção.
A MÃE SOCIAL: A chamada mãe social é uma figura atípica encontrada nas relações de emprego no Brasil: corresponde à prestação de serviços a uma instituição de assistência social, em que esta admite e coloca a mãe social em uma casa, tipo lar, onde terá a incumbência de residir e cuidar de determinado número de menores abandonados, mediante remuneração reajustável, assegurada pelo menos a percepção de um salário mínimo (lei nº7.644/1987). À mãe social são assegurados os seguintes direitos, além do salário mínimo: anotação na CTPS, repouso semanal remunerado, férias anuais, 13º salário, FGTS e previdência social, inclusive em caso de acidente de trabalho.
Wiki letter w.svgEste artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.



Muita alegria na hora da distribuição das bonecas

Uma ONG virtual dedicada ao amor - BONEQUEIRAS SEM FRONTEIRAS

http://bonequeirasemfronteiras.blogspot.com.br/




A experiência dos gestores de uma Casa Lar

sábado, 12 de outubro de 2013

Dia das Crianças é dia de festa para a criançada

A rotina de uma boa Casa Lar

Quer ajudar? Veja o que falta

30 crianças com lar temporário

Um começo de Dia das crianças com alegria e entusiasmo

Uma manhã de festa e trabalho em Colombo